Logo Câmara Municipal do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, 21 de Janeiro de 2020
Fotos Câmara Municipal
Mapa do Site | Glossário Acessibilidade
esqueceu senha Preciso de ajuda
xxxxxxx

Comunicação

HomeComunicaçãoNotícias e Avisosdetalhes

Notícias e Avisos - detalhes

Debate sobre venda proibida de animais é discutido na Câmara Municipal do Rio

 

 

 

 

Foto: Ascom

18/09/2019

A Câmara do Rio realizou, na segunda-feira (16), um Debate Público sobre o Projeto de Lei n° 1.266/2019, do vereador Dr. Marcos Paulo (PSOL), que proíbe a venda de animais de estimação na cidade do Rio de Janeiro. Conhecido como "Diga Não à Venda de Animais", o projeto tem gerado polêmica entre os protetores de animais e as entidades que representam os criadores de cães de raça. Em virtude do número de pessoas que compareceram ao Legislativo para acompanhar as discussões, o evento precisou ser transferido para o Plenário Teotônio Villela, lotando as galerias com opositores e favoráveis à proposta parlamentar.

Presidente da Comissão Especial de Saúde Animal, o vereador Dr. Marcos Paulo explicou a importância dos animais na vida dos seres humanos e como eles devem ser tratados com respeito. O parlamentar é contra a exploração comercial dos animais. "Chega de maus-tratos e de sofrimento. Chega de amadores e clandestinos querendo ganhar dinheiro em cima dos animais", defendeu.

O ator Emiliano d’Avila, contrário à venda de animais, ressaltou que o diálogo sobre um assunto tão sério é fundamental. "Precisamos saber o que o outro defende, mas criar animais é uma atitude de amor. Sou criador de dois cachorros e três gatos. Não é ético uma vida estar a serviço do ser humano e voltada à exploração", argumentou. Criador de cães de raça há mais de dez anos e a favor da venda de animais, Jonathan de Jesus ficou impressionado com a quantidade de criadores presentes ao debate. "Nunca vi um movimento tão grande como esse. Tenho certeza que se vocês, protetores de animais, conhecerem nossos canis, vão encontrar amor", apostou.

O vereador Major Elitusalem (PSC) participou também do debate. A favor do mercado livre, o parlamentar ressaltou que a sociedade brasileira está quebrada, e que não é possível retirar renda de trabalhadores. "Nosso país está se erguendo com muita dificuldade e não podemos impedir esse comércio. Você não deixa de dar amor e carinho aos animais porque os comprou em lojas", sentenciou.

Após o debate, o vereador Dr. Marcos Paulo decidiu criar um grupo de trabalho com a participação de criadores e protetores de animais para discutir possíveis ajustes na proposta. "Vamos marcar uma reunião com o grupo para discutir uma maneira de ajustar o projeto, resguardando os criadores sérios, legalizados e que respeitam os animais. Queremos combater aqueles que exploram os animais de forma clandestina e antiética", concluiu o parlamentar.


voltar topo

enviar por email gerar pdf imprimir   

ícone

Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Palácio Pedro Ernesto
Praça Floriano, s/nº - Cinelândia - Cep: 20031-050
Tel.: (21) 3814-2121 | e-c@mara:

©2011 Câmara Municipal do Rio de Janeiro créditos estatísticas

Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Palácio Pedro Ernesto
Praça Floriano, s/nº - Cinelândia - Cep: 20031-050
Tel.: (21) 3814-2121 | e-c@mara: