Logo Câmara Municipal do Rio de Janeiro Rio de Janeiro, 26 de Junho de 2019
Fotos Câmara Municipal
Mapa do Site | Glossário Acessibilidade
esqueceu senha Preciso de ajuda
xxxxxxx

Comunicação

HomeComunicaçãoNotícias e Avisosdetalhes

Notícias e Avisos - detalhes

Reunião comemora os 60 anos da Revolução Cubana

 

 

 

 

Foto: Ascom

30/04/2019

A Câmara Municipal do Rio de Janeiro realizou na sexta-feira (26) uma reunião em comemoração aos 60 anos da Revolução Cubana. A iniciativa foi do vereador Leonel Brizola (PSOL) e contou com a presença dos cônsules de Cuba, Antonio Mata Salas e Pedro Barosa.
Na reunião, além de celebrar os 60 anos da revolução, foram discutidos assuntos como a presente situação política do Brasil e o bloqueio econômico feito pelos Estados Unidos da América à ilha caribenha. Segundo Antonio Mata, o bloqueio sofrido por Cuba foi com objetivo único de prejudicar a população. "Eles (EUA) não aceitam que um modelo de política populista possa existir. Nosso socialismo é uma afronta para o imperialismo americano", disse.

Para Pedro Barosa, muitas mentiras rondam o contexto do movimento socialista na América Latina. Ele contou que uma grande parte do sucesso da Revolução Cubana foi o suporte do povo, que ajudou a resistir à ofensiva dos EUA. Mas, apesar do apoio popular ser de grande importância, o cônsul acredita que o apoio de outros países latinos é essencial. "Cuba precisou do apoio de seus países parceiros e não obteve, pois todos temiam a soberania americana. Atualmente, a Venezuela passa pelo mesmo processo de revolução, e é extremamente importante que os países lhes estendam a mão, incluindo o Brasil", afirmou.

A professora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Anita Leocádia Prestes, acredita que o exemplo da Revolução Cubana está se espalhando pela América Latina. Ela afirma que a defesa de Cuba e da Venezuela é equivalente à defesa de nossos direitos. Sobre a questão política nacional, Anita se disse preocupada com o rumo que o país está tomando. "Precisamos conscientizar a população para derrotar a ameaça fascista que nos assombra", disse.

O deputado estadual Eliomar Coelho fez críticas ao atual momento vivido pelos brasileiros. "Herdamos uma política patrimonialista onde o presidente se acha dono do país. Nunca pensamos que voltaríamos a viver o que vivemos em 1964, porém, a situação está se mostrando pior", alertou. Em relação a Cuba, Eliomar caracterizou o bloqueio econômico imposto pelos americanos como um ato de crueldade.

Ao final da reunião, o vereador Leonel Brizola aproveitou para criticar o governo Bolsonaro. De acordo com o parlamentar, é absurda a submissão que o Brasil vem apresentando aos EUA. "É preciso que o povo tome como exemplo o que aconteceu em Cuba sessenta anos atrás e lute pelo bem do país", concluiu.


voltar topo

enviar por email gerar pdf imprimir   

ícone

Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Palácio Pedro Ernesto
Praça Floriano, s/nº - Cinelândia - Cep: 20031-050
Tel.: (21) 3814-2121 | e-c@mara:

©2011 Câmara Municipal do Rio de Janeiro créditos estatísticas

Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Palácio Pedro Ernesto
Praça Floriano, s/nº - Cinelândia - Cep: 20031-050
Tel.: (21) 3814-2121 | e-c@mara: